Mais sobre os clientes CMV premiados no VEJA Comer & Beber

Mais sobre os clientes CMV premiados no VEJA Comer & Beber

Os clientes CMV premiados no VEJA Comer & Beber 2018/2019 cravaram os seus nomes e assinaturas no hall dos grandes estabelecimentos de São Paulo.

O evento foi realizado no final do mês de setembro, na Casa Charlô, na capital.

A noite marcou o lançamento do guia gastronômico COMER & BEBER, considerado pela imprensa especializada como um dos mais importante do país.

Alguns estabelecimentos clientes e parceiros da CMV foram contemplados na ocasião, que premiou os melhores bares, restaurantes e personagens da gastronomia da capital em 43 categorias.

Hoje o Blog da CMV vai trazer um pouco mais sobre os quatro estabelecimentos citados: o Trabuca, o Tuju, Kinoshita, o Pitico e o Etto.

Etto: Melhor trattoria

Primeiro colocado entre os grandes nomes da culinária italiana em São Paulo, o Etto, parceiro da CMV se consolida como um dos mais reconhecidos estabelecimentos da cidade.

Localizado na Rua Bela Cintra, oferece receitas clássicas, como a perna de cabrito com brócolis e batata, além de uma infinidade de massas, entradas e sobremesas.

Pitico: O melhor bom e barato dos bares

Campeão na categoria o Melhor bom e barato, o Pitico é um bar localizado em Pinheiros que está em atividade desde 2015.

Instalado em um antigo estacionamento, utiliza cadeiras de praia e contêineres para compor o seu peculiar cenário.

Com bons petiscos, tem como característica marcante os bons preços (tanto que aí está o prêmio para provar a afirmação).

O Pitico é um bar cliente da CMV.

Ivan Ralston, do Tuju: 3º Lugar Chef do Ano

Ao alcançar a terceira colocação na categoria Chef do Ano, Ivan Ralston insere seu nome entre os grandes da gastronomia paulistana (uma das mais relevantes do Brasil).

O Tuju, seu restaurante, é um cliente da CMV e oferece menus que enchem os olhos e aguçam o paladar.

É o caso do tartare de chuchu no caldo de pepino e vermute Noilly Pratt com raspadinha de gengibre. Ou o sorbet de camarão-rosa com tartare de manga verde.

O restaurante fica na Vila Madalena.

Trabuca: 2º Lugar Melhor Bar para Paquerar

O objetivo do Trabuca é transformar o cotidiano estressante em momentos de descontração.

O bar que tem o nome baseado no verbo trabucar, que vem de labuta, trabalho, fica no Itaim Bibi é um cliente CMV.

Dentre os drinques que fazem a cabeça dos frequentadores (muitos, como o próprio prêmio comprovou, em clima de paquera), está o gin-tônica com fatias de caju e um toque de refrigerante de frutas.

 

Kinoshita: 3º Lugar Melhor Restaurante Japonês

Localizado na Vila Nova Conceição, o restaurante Kinoshita foi fundado há mais de trinta anos no bairro da Liberdade.

Entre tantos destaques que fazem da casa uma das mais premiadas em toda América Latina, estão pratos quentes como o tartare de peixe branco sobre tempurá com shissô e ovas massagô.

O Kinoshita é um parceiro da CMV.

 

A equipe da CMV parabeniza os parceiros e amigos premiados no VEJA Comer & Beber 2018/2019!