Bares: dicas sobre gestão de negócios de família

Bares: dicas sobre gestão de negócios de família

É mais comum do que se imagina encontrar bares que são empreendimentos familiares. Neste artigo, reunimos algumas informações importantes sobre a gestão de negócios de família.

Um bar estabelecido, com boa rentabilidade, clientela e longevidade, muitas vezes, não oferece motivos para que seja desfeito e, o que acontece, é a passagem de bastão.

O Blog da CMV vai tratar neste artigo sobre casos em que a gestão de negócios de família corresponde à chance de continuidade e, principalmente, melhoria de um estabelecimento que já está no mercado.

Os dois lados da gestão de negócios familiares

Como toda opção de administração de um negócio, sempre há riscos. Não é o fato de um bar já ser conhecido e ter uma gestão, funcionários e fornecedores definidos que uma troca no comando será 100% à prova de crises.

Pelo contrário.

Quando um pai passa a direção do negócio para seu sucessor (ou sucessores), há um momento de virada – e uma situação extremamente delicada, que deve ser encarada com muito planejamento estratégico.

Sendo assim existem diversos casos – uns de sucesso, outros nem tanto, que culminaram, até mesmo, no encerramento das atividades.

Uma sucessão familiar bastante famosa é o caso do badalado restaurante Mocotó, que possui algumas unidades em São Paulo. A casa mais clássica, localizada na Vila Medeiros, Zona Norte de SP, era conduzida pelo patriarca da família – na verdade, foi inaugurada como um empório de produtos nordestinos e que servia o famoso caldo.

Quando seu filho, o chef Rodrigo Oliveira assumiu, o espaço passou por uma modernização e, em seguida, por uma sofisticação – o movimento foi fundamental para garantir a assinatura e o prestígio que a casa reverbera na gastronomia paulistana nos dias de hoje.

Há, é claro, o caminho oposto, quando as mudanças (ou a falta delas) culminam com a perda do prestígio e clientela dos bares e restaurantes. Ou seja, há dois lados da mesma moeda.

Dicas sobre gestão de negócios de família

Otimizar a operação de um negócio que há anos está na mão da família passa, invariavelmente, pelo processo de profissionalização.

Isso não significa que estamos afirmando que os parentes são incapazes de conduzir o andamento, mas que é fundamental um olhar externo para acompanhar os passos do estabelecimento.

Isso sem falar nos números de mercado, que mostram que os fracassos no segmento estão atrelados, muitas vezes, ao amadorismo na condução das rédeas financeiras, de recursos humanos, qualidade de atendimento etc.

Sendo assim, a presença de um consultor é muito importante para que os negócios familiares continuem andando nos eixos.

Outro ponto bastante indicado, quando possível, é a de um período de transição – quando a pessoa mais experiente já faz uma gestão compartilhada do bar. Assim, não há espaço para desespero e momentos em que o novo gestor fica sem saber como agir.

O intercâmbio com outros estabelecimentos parecidos e já estabelecidos também é de grande valia na hora de aprender boas práticas para seu negócio. O aprendizado nunca é demais, não se esqueça.

A CMV é uma empresa que une tecnologia e expertise na gestão de bares e restaurantes para oferecer o que há de melhor para seu negócio. Acesse nosso site e conte conosco, sempre!